SAI DO MATO VEIACO!! (KIKIKIU)

segunda-feira, agosto 22, 2016

Sai do mato veiaco, que o boi é bravo! hahahaha.
Heeeey lindonas, como estão? Tenho certeza que já ouviram essa frase por aí, mas para refrescar a memória de vocês, vou dizer uma única palavrinha: KIKIKIU! 
Para quem não sabe do que estou falando, e está sem entender nada até agora, vou explicar: Essa frase, é o trecho de uma das músicas mais bombadas do momento, " Sai do mato veiaco" é interpretada pela dupla Léo e Raphael, que bateram um papo super bacana com o TM.
               

 Antes de qualquer coisa, vamos conhecer um tiquinho mais desses caras, que são pra lá de simpáticos!
Léo e Raphael estão ganhando o Brasil, e não é para menos! Esses meninos são incríveis, além de talentosos, esbanjam simpatia e não fazem o tipo intocáveis, muito pelo contrário, tive o prazer de estar frente a frente com a dupla e perceber que eles são humildade pura!

O TRABALHO DA DUPLA



Esses meninos são tão bons no que fazem, que já tem em seu currículo mais de 20  mil inscritos no youtube e o peso de ninguém mais, ninguém menos que PPA ( Pedro Paulo e Alex),  e não para por aí, Fabinho e Rodolfo também já cantaram ao lado de LeR, inclusive há registros dessa parceria no clipe da música " Taca cachaça pra nós". 
Recentemente eles explodiram com o sucesso "Sai do mato veiaco" que tem sido tocada em todas as baladas sertanejas, pelo menos, as mais top's!

Confira os clipes abaixo ↓

SAI DO MATO VEIACO


TACA CACHAÇA PRA NÓS 
( VELHO BARREIRO)




A ENTREVISTA

Na última sexta-feira, dia 19 de agosto de 2016, estive com Léo e Raphael no programa Radiotv show, e eles me concederam uma breve entrevista, onde contam um pouco sobre seus sucessos e carreira!

PERGUNTAS:

TM: Com que idade, aproximadamente, surgiu o interesse pela música?
LÉO: " Desde molequinho que me vejo cantando, com 10 anos de idade já tocava alguma coisa com o violão, então desde criança mesmo eu já gostava muito de cantar!"
RAPHAEL:"Eu comecei cantando com 15 anos, na verdade foi em uma época que operei o joelho, eu jogava futebol e fiquei 6 meses em casa. Mas foi sem pretensão nenhuma, dali eu entrei em um grupo de jovens da igreja, então minha iniciação musical foi assim. No começo eu só tocava, era instrumentista, o cantar mesmo, me despertou só depois!"

TM: Em relação a formação da dupla, é a mesma desde o início?
LÉO: "Na verdade, já tive outras duplas, antes era Léo e Tarso. E agora já fazem 2 anos que estamos com Léo e Raphael na pegada!"

TM:  Cantar sempre foi um sonho de vocês?
LÉO: Sempre, sempre!
RAPHAEL: Como disse, cantar foi algo que me despertou mais tarde, eu sinceramente, não imaginava isso para minha vida. A música entrou como um hobbie, e quando fui ver, tomou conta de tudo!"

TM: Onde vocês se conheceram? Escola, faculdade?
LÉO: De amigos em comum,  agente sempre andava com a galera, no meio dos cantores, então agente se conheceu assim.
RAPHAEL: E faculdade, foi a faculdade da minga mesmo viu ( risos).

TM: Qual a situação mais embaraçosa que passaram em algum show?
LÉO: Foi quando tocamos numa festa chamada metamorfose, é uma festa de Londrina muito grande, famosíssima. E eu sou meio doidão no palco, subi em cima de uma treliça e deixei o microfone cair debaixo do palco, fiquei "umas" meia hora atrás de microfone. Falei pra ele: Vai cantando aí.... Mas tem várias, várias."

TM: Na carreira de cantor, o que é mais difícil para vocês? O que faria ou fez pensar em parar de cantar, algum erro de repente? 
LÉO: Acho que um erro não, aliás, erro sempre tem. Mas serve para nos ensinar. 
RAPHAEL: Olha, acho que é difícil responder, porque a gente vive uma realidade muito boa, e fazer que você ama já uma coisa muito boa. Mas nada são rosas, eu acho que uma coisa que pega bastante é a distancia que temos da família, da sua casa, dos seus amigos. E isso vai te afastando e acumulando, que mesmo quando chega na sua cidade, não da conta de fazer tudo. Lógico que isso faz parte do trabalho, e eu nunca desistiria por isso, mas se posso falar uma coisa que é difícil, então seria isso.

TM: Fabio e Rafael compuseram a música de trabalho de vocês, e como é essa relação? São amigos ou é algo apenas profissional?
LÉO:" Na verdade, com pessoal de Londrina, a gente acaba sendo amigo de todo mundo. Cria uma amizade e proximidade também."
RAPHAEL: "Sim, são brothers, o Fabio já conheço á mais tempo, e o Rafa também que já está lá a três anos. São dois caras sensacionais, são irmãozinhos nossos, que deram esse presente para nós." 

TM: Para finalizar, qual o sentimento em relação ao sucesso de Sai do mato veiaco? E qual a expectativa para nova música: Tchau brigado? 
LÉO: O feedback da sai do mato, não poderia ser melhor, estamos vivendo um momento muito bom, tudo novo, estamos sendo reconhecidos por um trabalho que foi feito e isso é muito gratificante. E estamos com uma esperança muito boa com essa nova música nova, a Tchau, brigado, que iremos lançar. Se Deus quiser e ela for abraçada pelo povo igual a sai do mato, a gente vai fica muito feliz!
RAPHAEL: É isso aí! Obrigado Toda Moça, um beijo pra todo mundo!

FOTOS





 ♥





♥ 





♥ 









E aí lindonas, o que acharam?
Espero que tenham gostado, confesso que estou amando trazer essas entrevistas para vocês!

Não deixem de acompanhar as redes sociais do blog, estão todas ali do ladinho →
Aaaaah, estou no tal do Snap também, é o: todamoca

Um graaaaaaaande beijo, a gente se vê


You Might Also Like

0 comentários